Escute o conteudo

segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Design Thinking e Educação



Design Thinking é uma metodologia que, atualmente é conhecida e aplicada por muitas empresas no Brasil e no mundo.

A popularização da metodologia deve-se a David Keller, professor da Universidade de Stanford e Tim Brown, autor do livro “Change by Design”, traduzido em português Design Thinking – uma metodologia poderosa para decretar o fim das velhas ideias.

Soluções criativas para resolução de problemas tornou-se crucial em muitos segmentos, dentre elas a Educação. A forma como pensamos a eduacação precisa urgentemente de mudanças, caminhando na direção de uma linguagem mais contemporânea.

Samuel Tschepe da HPI School of Design Thinking resumiu muito bem o design thinking na educação: “Trazer o design thinking para a educação significa enfatizar nossos talentos e habilidades humanas.”

O Design Thinking pode ter 7, 5 ou 4 etapas, a depender do autor. Para o Instituto de Design de Stanford, as etapas são:

1. Criar empatia: entender quais são as necessidades das pessoas envolvidas nos problemas
2. Definir: definir qual o problema, o que precisa ser resolvido ou criado
3. Idear: sugerir, ter ideias, sem censura
4. Prototipar: escolher algumas ideias e criar protótipos
5. Testar: testar o modelo e ver se faz sentido

O pensamento Design pode auxiliar no desenvolvimento de alguns skills importantes da formação educacional, como por exemplo:


  • Criatividade: ajuda a aplicar, explorar e praticar a criatividade. Ele pede que você use ambos os seus hemisférios, ou seja, o lado lógico, bem como o lado intuitivo do seu cérebro. 
  • Colaboração: é benéfico de duas maneiras. Por um lado, fornece às equipes uma linguagem comum para passar pelo processo criativo. Por outro lado, através da prática de aterramento em uma compreensão profunda dos seres humanos, suas necessidades e suas circunstâncias, o design do pensamento facilita um alinhamento das perspectivas dos membros da equipe, como eles trabalham para o objetivo comum de melhorar a vida humana. 
  • Aprender a aprender: aprender envolve os alunos a desenvolver experiências de aprendizagem e vida anteriores, a fim de usar e aplicar conhecimentos e habilidades em uma variedade de contextos

Colunista da Aplitech Foundation
Aline Barbaroto
Graduada em Administração de Empresas, com Pós Graduação em Gestão de Negócios e Mestrado em Administração de Empresas. Carreira desenvolvida na Área de Processos e Gestão, com atuação focada em otimização de resultados.

Aplitech ADM

Autor

Fique de olho nas novidades.

0 comentários:

Postar um comentário